HISTÓRIA

A nossa Casa de Evangelização Monsenhor Aloísio Catão foi fundada em 07 de Novembro de 2008, por um grupo de jovens com o intuito de levar a experiência vivida pelo Espírito Santo a todos, obedecendo à doutrina da Santa Igreja Católica Apostólica Romana. Era, e é, vontade de Deus que começássemos nossa missão sem nada, que nos entregássemos ao Amor e a Providência, assim, foi feito e Deus tratou de providenciar tudo para que essa obra da promessa de Deus prosperasse.

Juridicamente, somos uma Associação – também intitulada de Monsenhor Aloísio Catão – sem fins lucrativos e considerada de utilidade pública conforme Lei da cidade de João Pessoa 12.001/2010 e Lei do Estado da Paraíba 9.952/2010. Somos formados pelos sócios benfeitores, membros e sócios da Casa. Possuímos estatuto próprio e autorização diocesana, assim como está destituído em documento oficial, datado em 28/06/2013, pelo Reverendíssimo Arcebispo Metropolitano da Paraíba, Dom Aldo de Cillo Pagotto, a dirigência espiritual ao Monsenhor Aloísio Torquato Catão.

Ao longo dos anos, a forma alegre e jovem como os membros da Casa passaram a anunciar a Boa Nova do Evangelho, se destacou de maneira forte em João Pessoa. Jovens impulsionados pela Força do Espírito Santo levaram Cristo a muitos outros, a partir da verdadeira conversão na vida de cada um deles. Existiam algumas lacunas em relação a uma clara definição do que é “ser Casa de Evangelização”, porém em meados de 2014, as vésperas da celebração em ação de graças pelo aniversário de seis anos da Casa e a inauguração do novo Plenário Eduardo Santos Coelho, em nossa sede própria, no bairro do Cabo Branco, foi revelado por Deus, qual o chamado na vida de cada um dos membros dessa obra:

ANUNCIAR A ALEGRIA DE SER DE CRISTO PELA OUSADIA NO ESPÍRITO.

Nosso objetivo está implícito em nosso nome: nossa missão é evangelizar, pois temos o coração cheio de Amor, por Jesus ser o nosso Senhor, e Ele leva-nos a ser alegres, porque o Seu Amor nos enche da verdadeira alegria. Queremos levar a Palavra de Deus a toda criatura, a cada família, lançar as redes na certeza de que as encheremos de almas para o Reino de Deus. E como diz São Paulo em sua primeira carta aos Coríntios: “Anunciar o Evangelho não é título de glória para mim; é, antes, uma necessidade que se me impõe. Ai de mim, se eu não anunciar o Evangelho!”. O anúncio do evangelho é o nosso compromisso pessoal, já que, como cristão batizados assumimos o compromisso de anunciar a Cristo. A ousadia faz parte do nosso chamado, porque somos radicais por temos as raízes em Cristo. Somos Igreja. Somos casa de oração. Atrevemo-nos a romper os nossos limites para sermos santos, porque foi pela Efusão que nascemos e é nela que permaneceremos firmes. 


Seguindo os passos de nossos baluartes São Francisco e Santa Clara de Assis, buscamos cumprir nossa missão evangelizadora através de nossas atividades semanais que levam centenas de pessoas ao encontro verdadeiro com o Pai, através das Santas Missas, adorações, aprofundamento da palavra, pastoral de rua, grupo de oração, aconselhamento, entre outras.



INÍCIO
LITURGIA DIÁRIA
HISTÓRIA
FOTOS
COLUNISTAS
VÍDEOS
NOTÍCIAS DA IGREJA
FALE CONOSCO